INÍCIO / MEDIA / TODAS AS NOTÍCIAS / HÁ DIAS ASSIM…
Tondela produziu o suficiente para trazer pontos de Paços
 
 

11/10/2019
HÁ DIAS ASSIM…
Tondela produziu o suficiente para trazer pontos de Paços



O CD Tondela somou esta tarde a primeira derrota fora de portas na Liga NOS depois de perder por 1-0 frente ao FC Paços de Ferreira.



Num jogo em que um momento de inspiração garantiu os três pontos aos pacenses, o emblema beirão fez mais que o suficiente para sair da Capital do Móvel com pelo menos um ponto.



Numa parte cinzenta e em que a chuva disse “presente”, Natxo González apresentou no onze inicial três alterações relativamente à última jornada, promovendo à titularidade de Richard Rodrigues, Jonathan Toro e Jaquité.



Com uma entrada forte no jogo, a primeira oportunidade de golo pertenceu ao Tondela aos sete minutos com Philipe Sampaio a atirar de cabeça para uma defesa por instinto do guardião pacense. Apesar de estar com mais posse de bola, foi do Paços de Ferreira o primeiro (e único) momento de festa esta tarde quando aos 16 minutos surgiu o golo que acabaria por fazer toda a diferença no jogo com Pedrinho, num momento de inspiração, a aproveitar um alivio da defensiva auriverde e a rematar forte e ao angulo para o fundo das redes de Cláudio Ramos. Estava feito o 1-0.



A reação do Tondela foi imediata com Jaquité a rematar de fora da área para a defesa de Ricardo Ribeiro. Aos 35 os beirões ainda festejaram o empate mas o VAR invalidou o golo de Philipe Sampaio, assinalando fora de jogo ao central tondelense. O mesmo jogador que já na segunda parte, e quando o Paços de Ferreira jogava com menos uma unidade, proporcionou nova defesa apertada ao guardião dos castores para canto, corria o minuto 70. Logo a seguir, Xavier, também de cabeça, levou a bola a passar junto à barra da baliza adversária.



Com o Tondela cada vez a carregar mais sobre o último terço pacense, Tomi, aos 84 minutos, e de novo de cabeça, elevou Ricardo Ribeiro a um dos melhores jogadores em campo, com o keeper do Paços de Ferreira a evitar aquele que parecia ser o tento do empate. Até ao final do encontro nota para a expulsão, por acumulação de amarelos, a Philipe Sampaio, com o resultado a não se alterar até ao apito final do árbitro do encontro.



Desta forma o Tondela sofre, ao sexto jogo, a primeira derrota fora do João Cardoso.



Uma palavra para os nossos adeptos que se deslocaram desde Tondela até Paços de Ferreira e onde, apesar da muita chuva, estiveram connosco do início ao fim. Obrigado pelo vosso apoio num jogo onde de tudo se fez para alcançarmos um resultado positivo mas, há dias assim…



Confere a ficha de jogo:



Estádio Capital do Móvel, Paços de Ferreira



Assistência: Cerca de 3000 espectadores



Árbitro: António Nobre



FC Paços de Ferreira: Ricardo Ribeiro, Bruno Santos, Maracás, Bruno Teles, Oleg, Murilo (Hélder Ferreira, 59’), Pedrinho, Luiz Carlos, Uilton, Welthon (Dadashov, 45’+1’), Douglas Tanque (Bernardo Martins, 68’);



Suplentes: Simão Bertelli, Jorge Silva, Rafael Gava, Hélder Ferreira, Bernardo Martins, Yago, Dadashov;



Treinador: Pepa



CD Tondela: Cláudio Ramos, Moufi (Xavier, 71’), Bruno Wilson, Phillipe Sampaio, Yohan Tavares, Filipe Ferreira (Jhon Murillo, 71’), Pepelu, Jaquité (Tomi Strkalj, 61’), João Pedro, Richard Rodrigues, Jonathan Toro.



Suplentes: Niasse, João Reis, Ricardo Alves, Pedro Augusto, Xavier, Jhon Murillo, Tomi Strkalj;



Treinador: Natxo González.



Disciplina: Cartão amarelo a Bruno Teles (34’), Maracás (45’+3’ e 65’), Bruno Santos (53’), Phillipe Sampaio (71’ e 90’+5’), Luiz Carlos (90’+3’). Cartão vermelho por acumulação amarelos para Maracás (65’) e Phillipe Sampaio (90’+5’);



Marcador:



1-0 Pedrinho, 16 minutos